Decepções amorosas estão aí para todos nós, mas parece que Hollywood não percebeu isso e, vamos falar a verdade? Ainda bem que não. Hoje vou te indicar cinco filmes, todos estão disponíveis na Netflix, que vão te fazer acreditar novamente no amor (mesmo que por algumas horas). P.S.: filmes com altas doses de clichê.

Qual é o seu Número? (2011)

Ally (Anna Faris) não estava interessa em aumentar seu número e ficar sem marido. Por isso ela contrata seu vizinho Colin (Chris Evans), super gato e mulherengo para localizar todos os seus ex-namorados. A comédia do filme não está apenas nos encontros (que são os mais improváveis possíveis), mas a personagem principal também é muito engraçada e atrapalhada. Nesse meio tempo, Ally e Colin acabam desenvolvendo uma paixão e o final é bem clichê e, por isso, pode esperar algumas lágrimas nos últimos minutos de filme.

Amizade Colorida (2011)

Quando Jamie (Mila Kunis) recebe Dylan (Justin Timberlake) em New York para leva-lo a uma entrevista de emprego a amizade é certa. Os dois se tornam inseparáveis e Jamie fica responsável por mostrar toda a cidade para o amigo. Os dois não podiam esperar que no meio dessa amizade fosse surgir algo a mais e que isso geraria uma série de desventuras amorosas. O filme é um dos meus preferidos da lista e eu sempre assisto quando quero me animar um pouquinho.

Os Delírios de Consumo de Becky Bloom (2009)

Inspirado no livro de mesmo nome o filme também é daqueles bem no estilo ‘Sessão da Tarde’ e, com certeza, vai arrancar boas risadas e algumas lágrimas. Rebecca Bloomwood (Isla Ficher) é uma consumidora compulsiva e por isso vai à falência. Apaixonada pelo mundo da moda, ela não consegue um emprego na área e acaba caindo de paraquedas em uma revista financeira. O filme é muito divertido e a história de Becky, no final, deixa uma mensagem.

Gatos, fios-dentais e amassos (2008)

Esse foi um dos filmes que, com certeza, marcou a minha adolescência. Georgia (Georgia Groome) é o patinho feio da escola e, por não estar no grupo das populares, é sempre alvo de bullying. Entretanto, Georgia não parece se importar com isso e, junto com suas amigas, se torna uma garota muito bem resolvida, obrigada. As coisas começam a desmoronar quando ela conhece Robbie (Aaron Johnson) o garoto novo e mais gato da escola. Tudo muda de tal forma que ela se vê sem sua melhor amiga e fingindo ser uma outra pessoa.

Juntos pelo Acaso (2010)

Holly (Katherine Heigl) e Eric (Josh Duhamel) se odeiam e não fazem questão de esconder esse ódio. Depois de um romance mal resolvido e muitas farpas trocadas eles não acreditam quando são escolhidos como tutores da filha dos seus melhores amigos, depois que um trágico acidente acontece. O filme é muito engraçado, as cenas com a bebê e a saga que os dois percorrem para se tornar bons pais deixa o filme bem cômico e leve. O filme é o mais clichê possível, mas o filme cumpre o seu papel de divertir.