O México é conhecido mundialmente por exportar suas novelas, no entanto, muitos não conhecessem as produções cinematográficas desse país, que já produziu clássicos como o suspense “Labirinto do Fauno” (2006), ganhador de três Oscar, e o drama “Como Água para Chocolate” (1992), indicado ao Globo de Ouro e Prêmios Goya. Inclusive, o primeiro diretor latino-americano a ganhar um Oscar foi o mexicano Alfonso Cuarón em 2014. Nos dois anos consecutivos, o prêmio também foi para o México já que Alejandro González Iñárritu foi o grande vencedor. Cuarón e Iñárritu são dois bons exemplos de diretores e roteiristas que são mexicanos e requisitados também no cinema hollywoodiano.

Podíamos enumerar dezenas de filmes e passar páginas e mais páginas indicando filmes, mas, hoje, vamos nos atentar somente as produções que estão na Netflix. Afinal, a plataforma é a nossa companheira oficial em dias que não queremos sair de casa, não é verdade? Nela, existem dezenas de produções mexicanas que vão desde animações até filmes de terror, passando pela comédia, drama e o suspense.

ANIMAÇÃO

A Netflix possui em seu catalogo diversas animações para a criançada. Un gallo con muchos huevos (Um galo com muitos ovos) foi lançado em 2015 e possui a maior bilheteria do cinema animado no México. Ele conta com um time de estrelas na dublagem como os atores Bruno Bichir, Angélica Vale, Ninel Conde e Maite Perroni, conhecida no Brasil pelos papeis nas novelas exibidas pelo SBT.  No filme, o galo Toto precisa enfrentar o galo mais forte da região para impedir o despejo de sua proprietária.

COMÉDIA

Quem gosta de comédia pode assistir diversos filmes mexicanos que estão disponíveis no catálogo da Netflix. Lançado em 2016, Uma ressaca de nove meses é uma comédia estrelada por Karla Souza e Ricardo Abarca que aborda uma gravidez indesejada. Maru é uma executiva com metas bem claras e Renato não sabe o que quer da vida, agora, eles vivem juntos e se metem em situações bem engraçadas. Já Un padre no tan padre (Um pai nem tão pai) é uma comédia recomendada para toda família. O filme fala do conflito de gerações entre um pai mega rabugento e seu filho, um jovem que vive em uma comunidade hippie. No elenco, Héctor Bonilla, Benny Ibarra e Jacqueline Bracamontes.

Também lançado em 2016, Macho teve bom desempenho nos cinemas locais e conta a história de um famoso designer de moda que finge ser gay. Para encerrar a lista de comédia, Gueros é diferente das demais citadas porque mescla uma comédia ácida com drama. Isso proporciona um ótimo filme que conta a chegada de Tomás ao apartamento de seu irmão, a partir desse momento, eles seguem em busca de um antigo astro do rock. O filme é em homenagem à Nouvelle Vague e venceu cinco prêmios Ariel.

DRAMA

O México é um país que sabe produzir ótimos dramas e a Netflix sabe disso porque há uma ampla oferta de filmes com qualidade no catálogo. Biutiful, produzido pelo premiado Iñárritu (citado na introdução) é uma prova disso. O filme tem duas indicações ao Oscar, uma do próprio Iñárritu e outra de Javier Bardem, de melhor ator. Ele interpreta Uxbal, pai divorciado com dois filhos e diagnosticado com um câncer terminal, ele está determinado a ganhar a vida atuando no mercado negro.

Para quem gosta de um bom drama independente, Verónica é uma ótima escolha. Arcelia Ramirez dá vida a uma psicóloga que decide sair de sua reclusão para aceitar o estranho caso de uma jovem terapeuta que desapareceu misteriosamente. Esse não é o único longa-metragem com uma protagonista feminina forte. Em Elvira, uma mulher procura o amor da sua vida que saiu para comprar cigarros e nunca mais voltou. Cecilia Suárez interpreta uma mãe quarentona que parte em busca da verdade e passa por diversos dilemas na vida.

O próximo filme é baseado em um fato real que marcou a história do país. 7:19 conta a história de um terremoto devastador que atingiu a Cidade do México em 1985 e o nome faz uma referência ao horário que a tragédia aconteceu. Para fechar a lista de dramas, Cuatro lunas (Quatro luas) é um filme que conta quatro histórias de amores a partir dos seguintes ganchos: a primeira paixão, o reencontro de amigos, a dúvida em uma relação e a obsessão de um homem. Essas histórias formam uma antologia sensível sobre a homossexualidade.

ROMANCE

Romance, drama e luta para vencer preconceitos. Em Loco Love, um rapaz de uma típica família americana branca se apaixona por uma menina latina. Juntos, eles enfrentam todo o preconceito da família dele e da sociedade. É um filme que busca fazer críticas sociais.

SUSPENSE

Lançado em 2015, Archivo 253 (Arquivo 253) é um ótimo filme para quem gosta de terror. Com direção de Abe Rosenberg, ele conta a história de um grupo de investigadores paranormais que é atraído por boatos sobre atividades sobrenaturais em um manicômio abandonado. É um filme com atuações convincentes e bons cenários.

TERROR

Em México Bárbaro, trolls, demônios, fantasmas, zumbis, diabos maias e outras criaturas fazem parte desta antologia que reúne oito contos sobre o folclore mexicano por um viés bem macabro. Apesar do baixo orçamento, o filme possui cenas fortes e agrada quem gosta de filmes trashs.

 

* O local na foto de capa é a Catedral Metropolitana na Cidade do México.